Imprimir

INDICAÇÃO SUGERE MEDIDAS À PREFEITURA

Escrito por Comunicação Câmara EM .

Configuração do Tamanho do Texto

iconeeducacaoecultura

 

A Prefeitura deve receber nos próximos dias a Indicação nº 262/2017, de autoria do Vereador Guilherme de Souza Serrano, a qual foi aprovada por unanimidade na Câmara, nesta semana. Confira o texto oficial da Indicação:

 

Indicação nº 262/2017

 

       - Providenciar para que não seja permitido que o livro “Queermuseu – Cartografias da Diferença na Arte Brasileira”, elaborado pelo Santander Cultural, faça parte dos acervos da Biblioteca Pública Municipal, caso o município já tenha recebido algum exemplar dessa publicação.

      - Indico, ainda, a necessidade de analisar as demais obras para que, aquelas com conteúdo similar, que atentem contra a moral, também sejam retiradas da biblioteca.

 

 

JUSTIFICATIVA: O hábito da leitura é um dos mais prazerosos cultivados pelo ser humano ao longo da história. Não só como passatempo. Ler é um exercício para o corpo e para a mente. Mas quando não é capaz de gerar inclusão e reflexão positiva, perde seu propósito maior, que é elevar a condição humana.

Essa obra intitulada “Cartografias da Diferença na Arte Brasileira” contém clara apologia à pedofilia e à zoofilia e corrompe deliberadamente a cultura e a moral das crianças e jovens em idade escolar. É preciso atentar para os limites no exercício de qualquer liberdade, para que não ultrapasse a linha sutil que separa a liberdade de expressão e a libertinagem e seja inserida na esfera dos crimes contra a honra. Há liberdade na democracia, mas isso não quer dizer que o Estado possa permitir que o cidadão faça o que bem quiser. Sem querer entrar em questões sociais, filosóficas, educacionais ou jurídicas, é preciso cuidar para que os jovens de hoje não tenham uma liberdade inconsequente e irresponsável e que saibamos definir os limites para que se desenvolvam saudavelmente.

 

Vereador Guilherme de Souza Serrano