Imprimir

Proposição sugere projeto socioambiental à Prefeitura

Escrito por Comunicação Câmara EM .

Configuração do Tamanho do Texto

iconemeioambiente

 

A Prefeitura deve analisar a Indicação nº 111/2017, de autoria do Vereador Leandro Prock Valério, que sugere ao Executivo “implantar um projeto socioambiental de arborização urbana com árvores frutíferas, objetivando, dentre outros aspectos, aumentar a captura do carbono na atmosfera, contribuindo para diminuir o aquecimento global, visando a melhoria da qualidade de vida e o equilíbrio ambiental, bem como permitir que as frutas nativas ou exóticas sejam de fácil acesso aos moradores e visitantes da cidade, como forma de contribuir para erradicar carências de energia, sais minerais e vitaminas da população em geral e, ao mesmo tempo, para se ter acesso a todo tipo de frutas, independente da condição financeira da pessoa”.

A proposição ainda enumera outros objetivos, como “utilizar árvores frutíferas para gerar sombra, unindo assim o útil e o agradável, refrescando o ambiente urbano em épocas de calor e estabelecer parcerias com as escolas, promovendo a conscientização ambiental e incentivando o plantio de mudas”.

A indicação foi aprovada por unanimidade na Câmara nessa terça-feira (02). Votaram a favor os Vereadores Nevitom Borges da Costa, Guilherme de Souza Serrano, Gilson Cezar Prok, Paulo Henrique Furtado, João Paulo Baena Alves, Edvaldo Lira da Silva, Carlos César de Castro, Hamilton Pires de Rezende, Rodrigo José de Carvalho e a Vereadora Lourdes Silva de Souza. O Presidente da Câmara Leandro Prock Valério, por força regimental não vota, uma vez que não houve empate.