Imprimir

Proposta pede placas indicativas para orientar na localização de comunidades rurais

Escrito por Comunicação EM .

Configuração do Tamanho do Texto

iconezonarural

 

Outra proposição aprovada na Câmara na noite dessa terça-feira (25/04) foi a Indicação de nº 92/2017, de autoria do Vereador Guilherme de Souza Serrano, que sugere a “fixação de placas indicativas dos bairros rurais, nos locais indicados e, posteriormente, comunicação aos Correios, Cartórios, bancos, Sindicato Rural e Emater.

        A Indicação sugere a colocação de placas indicativas nos locais indicados como “ao final da rua José Augusto Lemes, para indicar as comunidades do Lava-Pés, Jardim, Campo Grande, Glórias, Cachoeira, Serrinha e Santa Rita do Palmela); ao final da rua Santa Cruz, para indicar as comunidades da Lagoa, Campo Redondo, Campo Alegre e Limoeiro; ao final da rua São Dimas, para indicar as comunidades Ponte Preta, Taboão e Siriema e ao final da rua Tristão de Alvarenga, como indicativo das comunidades Três Cruzes e São Bento”.

        A proposta ainda foi lida em Plenário com a justificativa do autor. “Para auxiliar os órgãos indicados, o transporte de mercadorias, os fornecedores dos produtores rurais, os turistas, dentre tantos que serão beneficiados com a indicação correta dos bairros rurais do município e que trafegam diariamente pelas nossas estradas vicinais”.

A proposição foi aprovada pela unanimidade dos presentes. Votaram a favor da proposição os Vereadores Guilherme de Souza Serrano, Hamilton Pires de Rezende, Rodrigo José de Carvalho, Gilson Cezar Prok, Paulo Henrique Furtado, João Paulo Baena Alves, Edvaldo Lira da Silva, Carlos César de Castro e a Vereadora Lourdes Silva de Souza. Ausente à sessão, o Vereador Nevitom Borges da Costa. O Presidente da Câmara Leandro Prock Valério, por força regimental não vota, uma vez que não houve empate.